domingo, 8 de julho de 2018

Haitianos cercam estadunidenses em hotel durante protesto contra aumento de combustíveis

Manifestantes marcham em protesto contra o governo em Porto Príncipe (foto de arquivo).
,
Sputnik News - 07/07/2018

Pelo menos 220 pessoas permanecem bloqueadas em um hotel na capital haitiana de Porto Príncipe, em meio a manifestações violentas contra o aumento do preço do combustível, informou a médica de emergência da HERO Client Rescue, Stacy Librandi Bourne.
Os protestos começaram nesta semana, depois que as autoridades locais anunciaram que os preços da gasolina subiriam 38%, enquanto o diesel seria reajustado em 47% e o querosene, em 51%.

Pelo menos três pessoas foram mortas durante as manifestações. Três voos saindo ou com destino aos Estados Unidos foram suspensos por questões de segurança.
Bourne disse à CNN que cerca de 120 cidadãos norte-americanos continuam bloqueados no hotel Oasis, em Porto Príncipe, depois que os manifestantes tentaram incendiar o local e passar pela segurança.

Hotel Best Western in Petionville, was set ablaze by anti-govt protesters moments ago.

 No sábado, o primeiro-ministro do Haiti, Jack Guy Lafontant, disse que o aumento do preço do combustível será interrompido temporariamente e pediu que os manifestantes se acalmem.
A CNN citou a embaixada dos EUA no Haiti e informou que nenhum cidadão dos EUA foi ferido em manifestações até o momento.
As Haiti protests continue, US citizens warned to shelter in place.

There are a number of Americans in Port-au-Prince.

It might be time to think about rescue operations.
https://www.cnn.com/2018/07/07/americas/haiti-violence-us-warnings/index.html 



Ver imagem no TwitterVer imagem no TwitterVer imagem no TwitterVer imagem no Twitter
This is right now ... check on your relatives if you can. There was no EDH last night so power maybe limited.
Postar um comentário