quinta-feira, 8 de outubro de 2020

Thierry Meyssan: Será o Artsakh (Carabaque) a tumba de Erdoğan ?

 O conflito do Alto Carabaque têm, é certo, a sua origem aquando da dissolução da URSS, mas ele foi relançado pela vontade do presidente turco. É pouco provável que este tenha tomado esta iniciativa sem a referir previamente a Washington. Fora também o que o Presidente Saddam Hussein fizera antes de invadir o Kuwait, caindo por ambição na armadilha que lhe fora estendida e que provocou a sua queda.

REDE VOLTAIRE | PARIS (FRANÇA) | 6 DE OUTUBRO DE 2020

عربي DEUTSCH ΕΛΛΗΝΙΚΆ ENGLISH ESPAÑOL FRANÇAIS ITALIANO NEDERLANDS РУССКИЙ 

Na sua conta Twitter o Presidente Erdoğan escreveu no início das hostilidades : « - No curso de telefonemas que trocamos hoje, uma posição judiciosa e resoluta, a visão "uma nação, dois Estados", testemunha uma vez mais, tal como o mencionara a Ilham Aliyev, o Presidente do Azerbaijão, que a Turquia continuará a reforçar a sua cooperação com os seus irmãos azeris. - Ao mesmo tempo que convidamos o povo arménio a defender o seu futuro contra a sua dominação e aqueles que o utilizam como uma marioneta, apelamos ao mundo inteiro para apoiar o Azerbaijão na sua luta contra a ocupação e a opressão. - A comunidade internacional, que não conseguiu dar uma resposta necessária e suficiente à agressão provocadora da Arménia, mostra uma vez mais o seu jogo duplo. O trio de Minsk, que manteve a sua atitude negligente durante uma trintena de anos, está infelizmente muito longe de estar orientado para a solução. - Acrescentando um novo ataque aos precedentes contra o Azerbaijão, a Arménia mostrou, uma vez mais, que é a maior ameaça à paz e à tranquilidade na região. A Nação turca apoia os seus irmãos azeris com todos os seus meios, como sempre. »


sábado, 3 de outubro de 2020

Liz Theoharis: A batalha pela Bíblia

 Teóloga americana analisa como movimento reacionário faz leitura deturpada do cristianismo para justificar retrocessos e aponta urgência em devolver à Bíblia seu caráter emancipador

Créditos da foto: (KMOV)


Em 26 de agosto, durante a Convenção Nacional Republicana, o vice-presidente Mike Pence encerrou seu discurso parafraseando a Bíblia. Diante de uma multidão reunida na área externa do Forte McHenry, em Baltimore, ele exclamou: “Olhemos para a Old Glory e tudo o que ela representa. Olhemos para nesta terra de heróis e deixar que sua coragem nos inspire”. Basicamente, ele reescreveu uma passagem do livro de Hebreus do Novo Testamento: “Corramos com perseverança a corrida que nos é proposta, tendo os olhos fitos em Jesus, autor e consumador da nossa fé. Ele, pela alegria que lhe fora proposta, suportou a cruz”.

sexta-feira, 18 de setembro de 2020

Economista: preços em alta e renda em queda devem agravar fome no Brasil

 

© AP Photo / Andre Penner

Sputnik Brasil - 18/09/2020


Pesquisas apontam que a insegurança alimentar aumentou no Brasil nos últimos anos. E, segundo economista ouvido pela Sputnik, a tendência é a de que a situação piore consideravelmente por conta da crise provocada pela COVID-19.

Na última quinta-feira (17), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou sua mais recente Pesquisa de Orçamentos Familiares, com dados referentes a 2018, que indicou uma queda na proporção de domicílios com segurança alimentar no país.

Segundo o levantamento, o último índice pesquisado, de 63,3%, é menor do que o observado em 2004, ano da primeira pesquisa, quando era de 65,1%.