sexta-feira, 11 de maio de 2018

Sabatinas de Lula agora dependem da juíza Carolina Lebbos

.
VIOMUNDO - 11 de maio de 2018 às 16h44

A participação do ex-presidente Lula nas primeiras sabatinas da campanha de 2018 agora está nas mãos da juíza Carolina Moura Lebbos, em Curitiba.
A juíza é encarregada da execução da pena de 12 anos e 1 mês imposta a Lula pelo TRF-4, a partir de decisão de primeira instância do juiz Sérgio Moro.
Folha, o UOL e o SBT, organizadores das sabatinas, pediram à juíza que autorize o ex-presidente Lula a responder perguntas dos entrevistadores.
Na petição (íntegra abaixo), as empresas listam os jornalistas que fariam pessoalmente as perguntas ao ex-presidente.
Os órgãos de mídia anunciaram as sabatinas sem a presença do ex-presidente.
O PT foi à Justiça contra a decisão. Pediu liminar ao TSE alegando que a realização das sabatinas sem a presença de representante de Lula representaria “quebra de isonomia”.
O ministro Og Fernandes negou a liminar de forma monocrática e encaminhou o caso ao plenário.
Se a juíza Carolina Lebbos concordar com a petição dos órgãos de mídia, estará aberto o caminho para que o ex-presidente fale sobre suas propostas de governo mesmo preso, em Curitiba.


Postar um comentário