domingo, 2 de julho de 2017

Polícia Federal prende Jacob Barata Filho pela Lava Jato no Rio

Empresário foi preso no aeroporto do Galeão

Polícia Federal aponta Jorge e Bruno Luz como como operadores do PMDB em esquema de corrupção


02.jul.2017 (domingo) - 23h04
atualizado: 02.jul.2017 (domingo) - 23h04
A força-tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro prendeu na noite deste domingo (2.jul.2017) o empresário Jacob Barata Filho, um dos maiores do setor de ônibus no Estado. Ele foi preso já na área de embarque do Aeroporto Internacional Tom Jobim, de onde embarcaria para Lisboa (Portugal).
O mandado de prisão foi expedido pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, responsável pelos processos da Lava Jato no Rio de Janeiro.
A prisão de Jacob Barata Filho seria realizada nos próximos dias, mas foi antecipada quando a Polícia Federal soube da viagem a Portugal.
O pai do empresário, Jacob Barata, é conhecido como “Rei do Ônibus” e está ligado a 3 offshores descobertas na investigação dos Panama Papers em 2016.
A família Barata também teve seu nome relacionado a contas na Suíça descobertas na investigação do SwissLeaks, em 2015.
Postar um comentário