quinta-feira, 20 de julho de 2017

Cavalar! Opção subir 16% a gasolina mostra gravidade do rombo

POR  · 20/07/2017


vematras
.
Como dizem os gaúchos, “não tem chorumela”.
Não adianta Miriam Leitão dizer que o “Com alta de impostos, governo estima impacto de 7% sobre o bolso do consumidor”.
O aumento é de 41 centavos por litro na gasolina, sem choro nem vela. Como o preço médio nacional, segundo a ANP, é de R$ 3,485 (sem o aumento desta semana da Petrobras), o reajuste é de 11,76%.
No óleo diesel, 22 centavos, o que, sobre um preço médio de R$ 2,939 dá 7,5%.
No etanol, 21 centavos são  8,67% sobre o preço médio ANP de R$ 2,423.
O aumento dos combustíveis atinge em cheio aquele que vem sendo o centro da queda da inflação, o grupo dos alimentos in natura.
Postar um comentário