quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Os frutos do ódio: médicos e monstros

POR  · 02/02/2017


jekkil
.
Nota pública do Conselho Regional de Medicina de São Paulo, o Cremesp, sobre o comportamento que ele próprio estimulou, com o discurso do ódio, que acabou por levar parte da categoria a um comportamento monstruoso:
“O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) informa que instaurou nova sindicância para apurar a divulgação de novos dados sigilosos do diagnóstico da ex-primeira-dama Dona Marisa Letícia, hospitalizada desde o dia 24/1. A sindicância tramita em sigilo processual e, também, investigará supostas ofensas à ex-primeira-dama que teriam sido praticadas por médicos paulistas em redes sociais.
Postar um comentário