segunda-feira, 1 de maio de 2017

Micos amestrados, por Luís Costa Pinto



delonge
.
Do sempre lúcido Luís Costa Pinto no Poder360 – que se tornou leitura indispensável – uma análise acachapante do comportamento da mídia brasileira diante da greve geral, com o obrigatório destaque àquilo que já se registrou aqui: a “pérola” da Folha ao chamar o capitão Augusto Sampaio de “homem trajado de policial militar”.
Um país conflagrado e mergulhado numa crise que já desemprega mais de 14 milhões parece que tem como causa de seus problemas mais graves algumas interdições de rua e meia dúzia de conflitos fabricados por  grupos obscuros ou pela própria polícia. Esta exacerba a brutalidade e avança com ganas sobre qualquer um, porque, como se viu no caso do capitão covarde e recalcado, porque da mídia e dos governos jamais lhe vêm nada sobre seus abusos que não sejam “sindicâncias” e “apurações com rigor” que nunca dão em nada.
Postar um comentário